Folha do Juruá Cruzeiro do Sul, Acre,
Folha do Juruá Cruzeiro do Sul, Acre,
Cruzeiro do SulPlantão notíciasPolítica

Somente para os chegados: Vagner Sales doou terrenos público para aliados políticos

Há dois anos, a prefeitura de Cruzeiro do Sul está requerendo do governo Federal a construção de 1008 unidades habitacionais a serem destinadas às pessoas de baixa renda ou que morem em áreas de risco. Esse é a estimativa da quantidade de famílias  que realmente precisam de terrenos e uma casa na cidade.

Sem casa, mulher faz barraco com palhas de buriti em Cruzeiro do Sul/Foto G1

Porém, Vagner Sales – enquanto era prefeito da cidade de Cruzeiro do Sul, parece ter preferido desprezar a legislação que disciplina a doação de imóveis para fins de habitação. Sua inclinação não foi na direção desse contigente de mais de mil famílias carentes, mas sim no sentido de ajudar seus aliados políticos. 

Segundo informações obtidas pelo jornal ‘O Juruá em Tempo’, foram pelo menos três terrenos doados para aliados do ex-prefeito, incluindo o ex-secretário municipal José Maria de Lisboa. Os outros beneficiários seriam Rafael Karioka e o feirante Francisco de Oliveira de Lima, mais conhecido como Paxoca.

O valor dos terrenos públicos doados chega a uma média de R$ 30 mil. O caso mais escandaloso é do ex-secretário Lisboa, que claramente demonstra um total desrespeito com a coisa pública e com a população cruzeirense. Além do salário alto que ganhou pelos oito anos de gestão de Sales, Lisboa já era possuidor de casa própria e, como se não bastasse, seu filho é empregado no gabinete da deputada federal Jéssica Sales, filha de Vagner.

 

Outro agraciado é o feirante Francisco, que poderia até preencher os requisitos necessários para receber uma doação da prefeitura, mas o mesmo já recebeu do ex-prefeito três boxs no Mercado do Peixe, já garantindo-lhe uma possibilidade de boa renda. Ainda há informação de que os peixes vendidos por ele são provenientes dos mais de 100 tanques das fazendas de Vagner Sales. Ou seja, com os Box doados para Paxoca, Vagner Sales não haveria de deixar faltar pescado.

 

O terceiro beneficiado, conforme mostra os documentos, é o jovem empresário Rafael Karioka, que possui grandes condições de trabalho e renda. Ele é dono de um restaurante movimentado, além de está vendendo uma casa de quase R$ 200 mil reais, totalmente mobiliada.

Em recente entrevista, o empresário afirma não ter vínculo com Vagner Sales e que recebeu o terreno quando chegou na cidade, vindo do Rio de Janeiro em 2011, época em que afirmava não ter condições de se estabelecer. Porém, os documentos de doação dos terrenos são de 2016, ano eleitoral.

 Karioka é um internauta que não dispensa críticas à atual gestão do prefeito Ilderlei Cordeiro, o mais novo inimigo declarado de Sales. Atualmente, já se projeta como futuro candidato para vereador de Cruzeiro do Sul, fazendo de seu discurso contra Ilderlei a principal plataforma de campanha.

Os terrenos citados estão localizados no Conjunto Jardim Primavera, bairro São José. Possuem de 300 a 500 metros quadrados, o beneficiário teria que começar a construção da casa em até quatro meses, não pode vender o lote pelos próximos cinco anos, conforme os documentos assinados.

Ao que parece, os termos de concessão de uso foram firmados sem que a administração levasse em conta autorização legislativa específica, avaliação prévia e irrefutável demonstração de interesse social. Não houve impessoalidade no ato de doação. Os beneficiários eram todos pessoas da estreita relação do prefeito, além de não preencherem os requisitos necessários exigidos por lei.

Além de não ter feito muita coisa para a construção de casas em sua gestão, Vagner Sales brigou inúmeras vezes com o governo do Estado por causa dos conjuntos Habitacionais Cumaru, Vale dos Buritis e Miritizal Novo, todos construídos pelo Estado. O ex-prefeito simplesmente ignorou esses conjuntos e não realizou nenhuma manutenção nos locais.

POSSIVELMENTE, FAMILIARES DE VAGNER É ASSESSORES DE JÉSSICA TAMBÉM RECEBERAM TERRENOS 

As investigações da reportagem seguem agora para supostos familiares de Sales e assessores da Deputada Jéssica Sales, que também podem ter sido beneficiados com a doação de terrenos da prefeitura.

 

Informações O Juruá em Tempo

Tags : Destaque

Send this to a friend